Lúcidos Céticos
Éramos súditos da rebelião,
símbolos plácidos, cândidos não.
Ídolos mínimos, múltipla ação

Amor te juro
A morte juro
Todas cidades te darei
Da atrocidade
À vivacidade
Só não espere de mim
A felicidade.

Tom Prado (lucidos-ceticos)

floresnoasfalto:

vai triturar teus sonhos tão mesquinhos

»